terça-feira, 15 de abril de 2014

Mania de Sacanear

















Tenho a mania de gostar mais,
das coisas espontâneas,
das coisas artesanais,
das explosões instantâneas...

Sou devoto da simplicidade.
Sou, na verdade, do improviso.
Sou uma chuva de riso
molhando a sociedade.

Sou como uma gambiarra:
a lâmpada que se amarra,
para quebrar um galho.

Procuro sempre um atalho
para encurtar minha viagem.
Eu gosto é de sacanagem.


A.J. Cardiais
imagem: google

2 comentários:

Marcos Satoru Kawanami disse...

Me amarro em Humor.

Paulus Vitórius disse...

a última estrofe bem podia servir como filosofia de vida pra enfraquecer a força do marasmo sobre nós.

abraço.